Bombeiros encontram 3ª vítima de desabamento de prédio em SP

O Corpo de Bombeiros localizou restos mortais de mais uma vítima do desabamento do prédio no Centro de São Paulo na última terça-feira (1º).

Bombeiros fazem rescaldo de escombros de prédio que pegou fogo em SP. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Prédio de 26 andares em chamas desaba em São Paulo. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O Corpo de Bombeiros encontrou, nesta quarta-feira (9), novos fragmentos de ossos que podem ser da terceira vítima do desabamento do Edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou após um incêndio no último dia 1º, no centro de capital paulista.

Nesta terça-feira (8), partes de ossos já haviam sido encontradas pelas equipes de buscas. Os restos mortais localizados hoje, porém, foram encontrados em local diferente. Os bombeiros, no entanto, não confirmaram se eles pertencem aquela que pode ser a terceira vítima encontrada sob os escombros. Até o momento, só houve, oficialmente, a confirmação da localização e resgate do corpo de uma vítima, Ricardo Oliveira Galvão.

“Não há possibilidade de nenhuma identificação de quantas vítimas existiam ali [a partir dos fragmentos encontrados]. Somente há possibilidade depois do exame do IML [Instituto Médico Legal] para que eles [peritos] possam definir quantas vítimas e de quem são [os restos mortais]”, disse o porta-voz dos bombeiros, o capitão Marcos Palumbo.

Os fragmentos encontrados estão sendo encaminhados para o IML, que poderá identificar, com exames de DNA, de quem são os fragmentos de ossos localizados ontem e hoje.

Na busca desses restos mortais, os bombeiros contaram com a ajuda da cadela farejadora Vasty, que indicou a localização dos fragmentos.

As buscas no local continuam, com 44 bombeiros e o uso de 17 viaturas, além quatro retroescavadeiras e caminhões.