Designer imagina como seria o Windows XP caso ele fosse lançado nos dias de hoje

Um artista resolveu bolar um conceito super bacana para imaginar o que aconteceria caso a Microsoft lançasse um "Windows XP 2018 Edition".

Windows XP. Foto: Microsoft/Reprodução
Windows XP. Foto: Microsoft/Reprodução

Embora ele esteja incrivelmente defasado, o Windows XP ainda vive em nossos corações como uma das versões mais icônicas e estáveis de toda a história do sistema operacional. O amor por tal edição é tão grande que ele ainda representa 6,11% do market share no setor de SOs — mesmo que sua última atualização tenha sido lançada há uma década. Agora, um artista resolveu bolar um conceito super bacana para imaginar o que aconteceria caso a Microsoft lançasse um “Windows XP 2018 Edition”.

Leia também
Samsung apresenta novo portfólio de notebooks no Brasil
Twitter revela que bug expôs credenciais de milhares de usuários
Atualização de abril do Windows 10 traz diversas novidades; confira detalhes

O resultado é uma fusão harmoniosa e muito agradável da clássica interface do software com o estilo minimalista e “quadradão” do Fluent Design, estética que permeia o Windows 10. E, é claro, como não podia deixar de ser, alguns elementos impagáveis do bom e velho XP continuam presentes, incluindo o assistente pessoal Rover the Dog (vovô da Cortana) e o bucólico papel de parede Bliss, feito com base em uma fotografia de Charles O’Rear. Tudo igual a 2001, mas com um toque de modernidade.

Obviamente, é impossível que a gigante de Redmond dê alguma atenção real ao Windows XP, mas não custa nada sonhar. Vale a pena observar que o responsável pelo conceito é famoso por imaginar diversos softwares — incluindo um Windows 11. Venhamos e convenhamos: o cara é talentoso, não é?