Morreu nesta segunda-feira (26) em Roma, o cineasta Bernardo Bertolucci, aos 77 anos, de acordo com o jornal Repubblica. Bertolucci é considerado um dos grandes mestres do cinema italiano.

Bertolucci dirigiu filmes premiados como “Antes da Revolução” (1964), “1900” (1976), “O Conformista” (1970), “O Último Tango em Paris” (1972), “O Último Imperador” (1987) e “Os Sonhadores” (2003).

Nos últimos anos, o cineasta italiano foi muito criticado após vir a tona a revelação de que ele dirigiu uma cena não consentida de sexo em “O último tango em Paris”. No filme, a atriz Maria Schneider, então com 19 anos, não sabia como seria a cena em que Paul, personagem de Marlon Brando, usa manteiga como lubrificante na amante Jeannie.