Fuzis, espingardas e pistolas foram apreendias na ação. Foto: Polícia Civil
Fuzis, espingardas e pistolas foram apreendias na ação. Foto: Polícia Civil

Onze suspeitos de assalto a banco foram mortos durante uma operação da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic) na zona rural de Santana do Ipanema, em Pernambuco. Segundo a Polícia Civil, os os suspeitos cometeram um assalto no banco Bradesco de Águas Belas, em Pernambuco, e foram atingidos durante confronto. Na operação, foram apreendidos explosivos, armas, dinheiro e uma caminhonete foram apreendidos.

A operação batizada de Cavalo de Tróia foi coordenada pelos delegados Fábio Costa, Cayo Rodrigues e Thiago Prado e contou com o apoio do Grupamento Aéreo.

Em entrevista à TV Gazeta, o delegado disse que entre os onze mortos, havia três explosivistas. “Com certeza tiramos grandes chefes perigosos de circulação. Eles praticavam assaltos a bancos em vários municípios do Nordeste, eles até cometeram um assalto a um shopping em Campina Grande”, disse o delegado Fábio Costa.

“Eles estavam em uma casa. Nós demos voz de prisão e eles atiraram, nós revidamos. Houve uma intensa troca de tiros e os criminosos acabaram mortos. Normalmente, após o crime, as casas são usadas para dividir o dinheiro, e esperar a poeira baixar, como eles chamam”, diz o delegado.

Os corpos dos suspeitos chegaram por volta de 1h desta sexta (9) ao Instituto Médico Legal (IML) de Arapiraca e ainda não foram liberados.

*Com informações do G1