Uma grávida de 22 anos foi baleada na madrugada deste sábado (22) por um policial militar durante uma ocorrência, em São Paulo (SP). Ela foi socorrida e encaminhada para o Hospital do M’Boi Mirim, mas o bebê não resistiu e morreu.

Leia também

A Secretaria de Segurança Pública informou ao G1 que um homem de 20 anos que estava em uma moto desobedeceu à ordem de parada de um policial militar. Durante a ação da prisão em flagrante do suspeito, a grávida foi baleada pelo PM.

Policiais militares que estavam na ocorrência falaram que o homem “quase atropelou um dos PMS” e que “para se proteger”, o policial disparou contra a moto. O policial que efetuou o disparo também foi preso em flagrante.

A polícia investiga a conduta do policial.