Palmeiras campeão. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras
Palmeiras campeão. Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras

Além da taça de campeão brasileiro de 2018, o Palmeiras fechou a competição nacional com uma série de recordes positivos. O triunfo deste domingo (2) no duelo contra o Vitória, por 3 a 2, na 38ª e última rodada, determinou mais uma marca importante: com 47 pontos em 19 jogos e 82,4% de aproveitamento, o Verdão é dono do melhor turno da história dos pontos corridos.

Leia também

O Alviverde igualou em pontos o primeiro turno do Corinthians de 2017. Ambos os times venceram 14 jogos, empataram cinco e não sofreram derrotas. O saldo de gols das equipes também é idêntico: a diferença entre os gols marcados e sofridos é de 23. Nos próximo critério de desempate, porém, o Maior Campeão do Brasil supera o rival alvinegro. O elenco de Luiz Felipe Scolari balançou as redes 35 vezes na segunda metade do Brasileirão de 2018, contra 32 tentos dos corintianos em 2017.

Além disso, o Palmeiras de Felipão ocupa de maneira isolada o posto de melhor segundo turno da história do Brasileiro de pontos corridos desde que este passou a ser jogado por 20 clubes, em 2006. Curiosamente, a marca antes pertencia ao próprio time alviverde – em 2016, ano em que também se sagrou campeão nacional, o time de Cuca fez 44 pontos nos 19 jogos finais da competição.

Outros dois recordes estabelecidos pelo Verdão em 2018 na era dos pontos corridos foram maior série invicta, com 23 jogos sem sofrer revés, superando a marca de 19 partidas que também era do Corinthians de 2017, e a maior sequência de vitórias jogando como mandante, com 13 partidas. Santos (2015), Atlético-MG (2016) e Atlético-PR (2018) conseguiram 12 jogos com 100% de aproveitamento em seu domínios e dividiam o posto anteriomente. O Alviverde não perde pontos em casa desde 13 de junho, quando empatou em 1 a 1 com o Flamengo, na 12ª rodada da competição.