O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, atacou nesta quarta-feira (5), os bispos católicos ao afirmar que eles “são inúteis” e encorajou matá-los, em um país onde 85% da população é católica.

“Os bispos de vocês, matem-nos. Esses bastardos não servem para nada. A única coisa que sabem fazer é criticar”, disse Duterte durante discurso em Manila.

O presidente já havia dito que Igreja Católica é a instituição “mais hipócrita do mundo” e garantiu que 90% dos seus sacerdotes são gays.