Jean Mota. Foto: Ivan Storti/Santos
Jean Mota. Foto: Ivan Storti/Santos

O Santos contou mais uma vez com a estrela de Jean Mota para vencer no Paulistão. Na tarde deste sábado (9), o artilheiro balançou a rede no minuto final e garantiu uma sofrida vitória por 1 a 0 sobre o Mirassol, em jogo válido pela sexta rodada do estadual, no Pacaembu.

Com o resultado, a equipe do técnico Jorge Sampaoli chega aos 15 pontos e segue na liderança do grupo A, além de manter a distância de quatro pontos em relação ao segundo colocado Red Bull. O Mirassol de Moisés Egert, por sua vez, fica com a quarta colocação do Grupo C, com cinco pontos.

A primeira metade do primeiro tempo foi de muita iniciativa do Santos, que buscava jogadas de velocidade, com Cueva, Pituca e Yuri se movimentando bastante e buscando a bola no pé dos homens de defesa. Apesar disso, houve bastante dificuldade na hora do último passe, muito disso por mérito da marcação do Mirassol, com uma defesa bem armada, sem dar espaço para os santistas.

Esse cenário configurou algumas situações de risco para o Santos, assim como em boa parte dos jogos da atual temporada. O time de Sampaoli se expôs bastante e deu algumas oportunidades de contra-ataque para os mirassolenses, que não evoluíram as jogadas em razão da ansiedade.

No segundo tempo, a equipe santista foi mais eficiente no setor de criação e teve oportunidades muito boas para abrir o placar, mas faltou pontaria. Cueva, aos quatro, e Soteldo, aos 20, tiveram as melhores chances. A de Soteldo foi a mais clara. No lance, ele ficou cara a cara com o gol aberto após passe de Sánchez e mandou para fora.

Depois disso, as oportunidades continuaram sendo criadas pelo Santos, mas em menor volume e com menos qualidade. Os jogadores foram afetados pela ansiedade e mostraram nervosismo. Quanto tudo parecia perdido, no entanto, o gol saiu do jeito que deu, aos 49 minutos, quando Derliz Gonzales bateu cruzado e a bola sobrou para o artilheiro Jean Mota, que ganhou dividida no chão e mandou para a rede.

O Mirassol volta a campo às 18h45 da próxima sexta-feira, na abertura da sétima rodada do Paulistão, em duelo contra o Ituano, no Novelli Júnior. O Santos joga às 19h15 da terça-feira, mas pela Sul-Americana, contra o River Plate-URU, em Montevidéu. O próximo compromisso santista pelo estadual será no dia 18, contra o Guarani, no Pacaembu.