Independiente del Valle elimina o Corinthians. Foto: IDV/Reprodução
Independiente del Valle elimina o Corinthians. Foto: IDV/Reprodução

O Corinthians lutou até o fim, mas não conseguiu buscar a classificação para a final da Copa Sul-Americana. A equipe brasileira ficou no empate por 2 a 2 com o Independiente Del Valle, no Olímpico Atahualpa, em Quito, e se despediu da competição.

Pesou para a classificação dos equatorianos a vitória por 2 a 0 no jogo de ida, em Itaquera. Na final, o Del Valle aguarda o classificado do confronto entre Colón e Atlético-MG. O time argentino venceu o jogo de ida por 2 a 1 e joga pelo empate nesta quinta-feira, em Belo Horizonte.

O Corinthians fez um bom primeiro tempo e por pouco não conseguiu os dois gols que precisava antes mesmo do intervalo. Primeiro, aos 28 minutos, Ralf roubou a bola e tocou para Pedrinho, que lançou Vagner Love. O atacante invadiu a área e deixou para Boselli completar para o gol em bela jogada coletiva da equipe brasileira.

Aos 43, Love quase marcou o segundo. Ele recebeu após mais uma roubada de bola de Ralf e, mesmo cercado por três adversários, arrancou e bateu colocado. A bola caprichosamente bateu no travessão.

Na segunda etapa, o Corinthians foi obrigado a se lançar ao ataque e, aos 22 minutos, acabou sofrendo o castigo no contra-ataque. Jhon Sánchez arrancou pela esquerda, ganhou de Manoel, e tocou na saída de Cássio para empatar a partida.

Sem outra opção senão buscar a vitória, o Corinthians chegou ao segundo gol em pênalti de Sánchez sobre Danilo Avelar. Clayson cobrou com tranquilidade para estufar as redes.

Precisando de mais um gol para garantir a classificação, o Corinthians foi para o tudo ou nada. No entanto, o Del Valle buscou o empate novamente em novo contra-ataque. Dessa vez, Cabezas, já aos 44 minutos, pegou a sobra pela direita e bateu rasteiro para superar Cássio a garantir a classificação dos equatorianos.