O Corinthians espantou a crise após a eliminação na Copa Sul-Americana e voltou a vencer pelo Campeonato Brasileiro. Na manhã deste domingo (29), o time paulista recebeu o Vasco, em Itaquera, e venceu por 1 a 0 com gol do volante Ralf.

Com a vitória, o Corinthians chega à quarta colocação com 38 pontos, se igualando ao Santos, que tem a mesma pontuação, mas uma vitória a mais (11 a 10).

O Vasco, com 24 pontos, é o 13º colocado, cinco pontos acima do Cruzeiro, primeiro time dentro da zona do rebaixamento.

O primeiro tempo foi der pouca inspiração, com muitos erros de passe por parte das duas equipes e raros lances de perigo, com os goleiros Cássio e Fernando Miguel praticamente sem participarem da partida.

No único lance de maior emoção, o Corinthians levantou a bola para a área e a defesa vascaína se complicou, com Fernando Miguel tocando a bola contra o próprio gol. No entanto, após cinco minutos e consulta do árbitro de vídeo, a jogada foi anulada por falta de Manoel no goleiro.

Na segunda etapa, o árbitro de vídeo entro em ação mais uma vez. Aos cinco minutos, foi o Vasco que balançou as redes, com o zagueiro Werley aproveitando cruzamento de Danilo Barcelos. No entanto, o gol foi anulado por impedimento.

Logo em seguida, aos 13 minutos, a resposta do Corinthians foi fatal. Boselli fez o trabalho de pivô e ajeitou a bola para Ralf bater de primeira de fora da área e acertar o canto esquerdo de Fernando Miguel. Um chute indefensável para abrir o placar.

Abusando das bolas levantadas para a área, o Vasco tentou empatar, mas não conseguia levar a melhor sobre a defesa bem postada do Corinthians, com Gil e Manoel levando a melhor nas bolas pelo alto. Assim, sem maiores sustos, o time da casa confirmou a vitória.

No último minuto, Jadosn ainda marcou um gol contando com desvio na defesa, mas a jogada, mais uma vez, foi anulada pelo árbitro de vídeo.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Vasco recebe o Santos em São Januário, enquanto o Corinthians vai a Porto Alegre enfrentar o Grêmio.