Palmeiras vence Petrolina-PE e garante vaga na segunda fase da Copinha

Em Araraquara-SP, o Palmeiras venceu o Petrolina-PE por 2 a 0, em partida válida pela 2ª rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Equipe do Palmeiras. Foto: Fabio Menotti/Agência Palmeiras
Equipe do Palmeiras. Foto: Fabio Menotti/Agência Palmeiras

Em Araraquara-SP, na Arena da Fonte Luminosa, o Palmeiras venceu o Petrolina-PE por 2 a 0, na tarde deste domingo (05), em partida válida pela 2ª rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior, e garantiu a classificação para a segunda fase do torneio. O triunfo foi construído no primeiro tempo, com dois gols do centroavante Fabrício.

>>> Siga o Gazeta do Dia no Google News

Com o resultado, o time do técnico Wesley Carvalho acumula seis pontos conquistados na competição e ocupa o segundo lugar na classificação do Grupo 17, com a mesma pontuação da Ferroviária-SP, que lidera no saldo de gols. O Alviverde fecha a primeira fase na quarta-feira (08), às 21h30, na Arena da Fonte Luminosa, contra a equipe de Araraquara-SP, em confronto direto pelo primeiro lugar da chave.

A 51ª Copa São Paulo tem a participação de 128 clubes divididos em 32 sedes na primeira fase. Os dois melhores de cada grupo avançam para a segunda etapa, que será disputada em formato mata-mata — a chave do Palmeiras cruza com a dupla vencedora do Grupo 18, composto por Confiança-SE, Goiás-GO, Penapolense-SP e Sertãozinho-SP. Serão seis duelos eliminatórios no total, todos em jogo único, com a final marcada para o dia 25 de janeiro, no estádio do Pacaembu. O Verdão busca o título inédito do torneio e foi vice-campeão nas edições de 1970 e 2003.

O jogo

Buscando a classificação para a segunda fase, os alviverdes começaram a partida com ofensividade, marcando presença no ataque e travando as jogadas adversárias. Neste cenário, não demorou para que o Palmeiras abrisse o placar: aos quatro minutos, Marcelinho acertou cruzamento preciso na cabeça de Fabricio, que subiu sozinho dentro da área e não desperdiçou a chance. (Petrolina-PE 0x1 Palmeiras)

O primeiro tempo seguiu com domínio palmeirense após o gol. A equipe de Wesley Carvalho teve oportunidades de ampliar a vantagem, a maior parte delas com Gabriel Silva. O melhor lance do Petrolina-PE na primeira metade do jogo foi um chute de Gabriel Bonfim que rendeu bela defesa do goleiro Magrão.

A forte chuva que começou a cair durante a etapa inicial diminuiu o ritmo do duelo. Mesmo assim, o Verdão continuou a controlar a partida e dominar a equipe pernambucana. Aos 43, Ramon levantou a bola dentro da área e, de lateral para lateral, Nogueira desviou de cabeça para a pequena área. Gabriel Silva ajeitou e Fabricio completou para o fundo do gol, marcando o seu segundo no jogo. (Petrolina-PE 0x2 Palmeiras)

O técnico palestrino promoveu seis mudanças no intervalo e durante o segundo tempo. Saíram Ramon, Danilo, Marcelinho, Gabriel Silva, Fabricio e Gabriel Góes, e entraram Vitor Ricardo, Patrick de Lucca, Guilherme Vieira, Lincon, Lucas Cordeiro e Hiago.

A segunda metade foi de menos chances de gols. O Palmeiras teve a posse de bola e não deixou o Petrolina-PE jogar, mas não conseguiu ampliar o saldo e pouco ameaçou o goleiro Leanderson. A partida terminou em 2 a 0 e classificação para a segunda fase garantida para o Verdão.

Escalação: Magrão; Ramon (Vitor Ricardo), Henri, Helderson e Nogueira; Danilo (Patrick de Lucca) e Gabriel Góes (Hiago); Tomás, Gabriel Silva (Lincon) e Marcelinho (Guilherme Vieira); Fabricio (Lucas Cordeiro). Técnico: Wesley Carvalho.