Autoridades russas sequestram e torturam Testemunha de Jeová

Vadim Kutsenko, 31 anos, teria sido levado para uma floresta pela polícia, onde foi espancado e torturado com choques elétricos no estômago e na perna.

Uma Testemunha de Jeová foi vítima de sequestro e tortura na noite da última sexta-feira (10), na Rússia. Vadim Kutsenko, 31 anos, teria sido levado para uma floresta, onde os policiais o espancaram e sufocaram repetidamente e aplicaram choques elétricos no estômago e na perna.

A ação dos policiais seria para ter mais informações sobre outras Testemunhas de Jeová. Quando perceberam que o Kutsenko não daria nenhuma informação, os policiais o levaram para o escritório do investigador para mais interrogatórios.

Ele continua preso.

Em 15 de fevereiro de 2020, o Tribunal Distrital Ingodskiy determinará se serão aplicadas outras restrições a ele.

*Com informações do site oficial das Testemunhas de Jeová (JW.ORG)