Bovespa segue em queda depois de interromper negócios

A bolsa de valores brasileiras, a B3, segue operando em queda, depois de recuar mais de 10% e ter negócios suspensos na sexta paralisação em oito dias.

A bolsa de valores brasileiras, a B3, segue operando em queda nesta quarta-feira (18), depois de recuar mais de 10% e ter negócios suspensos na sexta paralisação em oito dias. A queda da Bovespa acompanha os mercados globais, em meio a temores de quem nem mesmo a série de medidas anunciadas por governos e bancos centrais para combater os impactos do coronavírus será suficiente para evitar uma recessão global. A informação é do G1.

Siga o Gazeta do Dia no Google News

Às 13h54, o Ibovespa recuava 10,24%, a 66.974 pontos.

O chamado ‘circuit breaker’ foi acionado às 13h18, quando o Ibovespa recuava 10,26%, a 66.961 pontos. Esse mecanismo é disparado pela bolsa para interromper o pregão sempre que ocorrem oscilações muito bruscas e atípicas no mercado de ações.

Desde que a pandemia do coronavírus teve início, o circuit breaker foi acionado seis vezes em apenas oito sessões. A última vez foi na segunda (16), quando o Ibovespa chegou a cair 13,92%.