Governo reclama e Silvio Santos cancela edição do SBT Brasil

Pela primeira vez o SBT Brasil não foi exibido neste sábado (23), por ordem de Silvio Santos. Governo reclamou de repercussão da reunião ministerial.

Jair Bolsonaro e Silvio Santos. Foto: Alan Santos/PR
Jair Bolsonaro e Silvio Santos. Foto: Alan Santos/PR

Profissionais do jornalismo do SBT foram surpreendidos neste sábado (23) com uma ordem de Silvio Santos: o SBT Brasil não seria levado ao ar especificamente neste sábado. No lugar, entrou uma reprise do Triturando.

Siga o Gazeta do Dia no Google News

Segundo o portal NaTelinha, Silvio Santos teria tomado tal atitude após ser informado pelo seu genro, o deputado federal Fábio Faria, marido de Patrícia Abravanel, que o secretário de comunicação do governo, Fábio Wajngarten, telefonou para ele reclamando da edição de sexta-feira (22) do telejornal, que abordou a divulgação do vídeo ministerial de 22 abril.

O aliado do presidente teria apontado que o SBT Brasil acabou concluindo, em cerca de cinco minutos de reportagem, que Sérgio Moro estava certo em sua denúncia de que Jair Bolsonaro teria tentado interferir na Polícia Federal (PF).

Após o recado, Silvio Santos ligou para a direção de jornalismo do SBT por volta de 16h, cancelando a edição do telejornal.