Sidrolândia confirma primeira morte por coronavírus

A Secretaria Municipal de Saúde de Sidrolândia confirmou o falecimento por coronavírus de uma idosa, de 61 anos e era residente do distrito de Quebra Coco.

O estado de Mato Grosso do Sul somou mais um óbito pelo coronavírus para os registros oficiais. Na noite desta quinta-feira (11), a Secretaria Municipal de Saúde de Sidrolândia confirmou o falecimento de uma idosa, de 61 anos e era residente do distrito de Quebra Coco. É o 8° caso confirmado e a primeira vítima na cidade. A informação é do Midiamax.

Siga o Gazeta do Dia no Google News

A secretaria informou através de nota que esta foi a primeira transmissão comunitária no município, já que a vítima não teve contato com casos positivos e não possui histórico de viagens para epicentros no Brasil.

A mulher deu entrada no UPA (Unidade de Pronto Atendimento) no dia 7 de junho com quadro respiratório agudo grave e logo foi transferida para o Hospital Dona Elmiria Silvério Barbosa, mas acabou não resistindo e faleceu no mesmo dia. Como a morte foi devido à síndrome respiratória, foi feito um teste rápido no hospital, que acabou dando negativo.

Para contraprova, a pasta municipal explicou que foi feita a coleta de exame para detecção de coronavírus através do RT-PCR e o exame foi encaminhado para o LACEN (Laboratório Central), em Campo Grande. Nesta quinta, a secretaria de saúde recebeu a confirmação de que o teste deu positivo para covid-19.

Ainda em nota, a secretaria explicou que sepultamento da vítima foi realizado na manhã do dia 8 de junho, no Cemitério Municipal e cumpriu com todas as normas preconizadas pelo Ministério da Saúde para a realização de velórios.