Dourados: morre menina baleada na cabeça por homem que se matou em altar

A menina tinha sido levada em estado gravíssimo ainda no domingo à noite para a UTI neonatal do HU (Hospital Universitário).

Morreu nesta quarta-feira (15) a menina de 4 anos ferida na cabeça pelo segurança Rosemir Fernandes de Souza, 52, que se matou no altar de uma igreja depois de atirar em sete pessoas na noite de domingo (12), em Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Siga o Gazeta do Dia no Google News

Rosemir deixou ainda quatro pessoas feridas em um ataque na Rua Rangel Torres, no Jardim Santa Brígida.

A menina tinha sido levada em estado gravíssimo ainda no domingo à noite para a UTI neonatal do HU (Hospital Universitário).

Em postagem na rede social Facebook, o avô da criança, Zenobio Ortega, comunicou a morte da neta. “É com grande sofrimento que comunico o falecimento da minha netinha Beatriz, vítima de um mostro. Um grande gesto de manter ela viva para doação de órgãos”, escreveu.

*Com informações do Campo Grande News