Idoso com covid-19 ameaça cuspir na equipe médica; polícia foi chamada

Um idoso de 74 anos infectado pelo novo coronavírus desrespeitou as orientações dos médicos e não aceitou ficar em isolamento, em São Francisco (MG).

Um idoso de 74 anos infectado pelo novo coronavírus desrespeitou as orientações dos médicos e não aceitou ficar em isolamento, em São Francisco, Minas Gerais. Foi necessário intervenção da Polícia Militar (PM).

De acordo com a ocorrência, o idoso chegou a ameaçar cuspir na equipe médica e nos militares, colocando várias pessoas em risco de contaminação. O fato aconteceu na noite de segunda-feira (3), no Hospital Municipal Doutor Brício de Castro.

O homem foi levado à unidade de saúde na segunda (3) à tarde, apresentando sintomas gripais. Conforme uma fonte do hospital, o paciente recebeu o resultado do teste positivo para covid-19 e foi orientado a permanecer na área de isolamento do pronto socorro, onde deveria ficar em observação.

Todavia, de acordo com testemunhas, o idoso não aceitou a permanência na área de isolamento e ficou exaltado. Os servidores tiveram que chamar a Polícia Militar para tentar conter o paciente.

Mesmo após a chegada dos policiais, o homem continuou nervoso e chegou a ameaçar cuspir na equipe de saúde e nos militares, o que poderia elevar o potencial de disseminação do vírus na unidade de saúde.

Após 3 horas de conversa, o idoso foi acalmado.

Por causa do estado de saúde e do risco de contaminação de outras pessoas, o paciente não foi detido. Mas o boletim de ocorrência será encaminhado para a Polícia Civil, Ministério Público Estadual (MMPG) e Vigilância Sanitária, para que sejam tomadas as medidas cabíveis.