Brasileiros estão atentos aos protocolos de segurança sanitária ao escolher roteiro de viagem

Com as medidas sendo flexibilizadas, o brasileiro pôde voltar a sonhar com sua próxima viagem.

Brasileiros estão atentos aos protocolos de segurança sanitária ao escolher roteiro de viagem. Foto: Pixabay
Brasileiros estão atentos aos protocolos de segurança sanitária ao escolher roteiro de viagem. Foto: Pixabay

Final do ano traz expectativa de crescimento no número de viagens, mas, com pandemia mundial, brasileiros estão mais atentos aos protocolos de segurança sanitária adotados por estabelecimentos ao escolher o destino de viagem.

A pandemia do novo coronavírus fez o mundo entrar em isolamento social. Com as medidas sendo flexibilizadas, o brasileiro pôde voltar a sonhar com sua próxima viagem.

Mediante as indicações da Organização Mundial da Saúde, a tendência é que o turista brasileiro prefira viagens nacionais, de curta duração e evitando longas distâncias, que possam preferencialmente ser feitas de carro.

Mas, na hora de pensar na viagem, o brasileiro está bem atento e preocupado com o protocolo de segurança sanitária, principalmente ao escolher seu roteiro, hospedagem e transporte.

É possível garantir uma viagem segura ainda em 2020

Para garantir uma viagem segura durante a pandemia, existem opções que podem ser mais indicadas. Viajar de carro está entre as melhores alternativas, para evitar o contato desnecessário com outras pessoas.

Além disso, a escolha do roteiro pode garantir maior segurança, ao levar em consideração os estabelecimentos que adotaram os protocolos de segurança sanitária. Escolher roteiros menos populares, ou pontos turísticos menos conhecidos pode ajudar a evitar aglomerações desnecessárias, evitando ao máximo o risco de contágio.

Ao escolher a hospedagem, prefira opções particulares, evitando dividir quarto ou banheiro com estranhos, para evitar o risco de contágio. Além disso, verifique se o hotel ou pousada escolhido tem o selo de certificação do Ministério do Turismo e está seguindo todas as normas de higienização e distanciamento social.

Caso utilize transporte rodoviário ou aéreo, verifique as ações da companhia para reduzir os riscos de contágio, se está higienizando seus veículos ou aviões, se exige uso de máscara e faz a aferição de temperatura dos passageiros antes da viagem.

Outra dica para garantir uma viagem segura é contratar o seguro para viagem. Mesmo que seja uma viagem nacional e você tenha convênio médico, pode ser que seu plano te deixe na mão em caso de emergência, por não ter cobertura nacional.

O seguro de viagem, além de garantir a assistência médica numa emergência, pode trazer assistência para outros casos, como reembolso de medicamentos, emergências odontológicas, assistência em caso de extravio de bagagem ou atraso de voo.

Turistas brasileiros preocupados com a segurança

Um levantamento divulgado pelo Ministério do Turismo apontou que seis em cada dez brasileiros acham que o cumprimento dos protocolos de segurança sanitária é fundamental para a retomada das viagens e atividades de turismo no Brasil. Mais de 80% dos entrevistados acredita ser importante que sejam adotadas medidas para garantir a saúde e segurança nas empresas do setor turístico.

A busca por informação sobre os protocolos de segurança e as certificações sanitárias por parte dos turistas vem crescendo cada vez mais, mostrando que a população só considera viajar se sentir que está segura.

O Ministério do Turismo, por sua vez, está incentivando cada vez mais empresas do turismo a se certificarem com o selo “Turismo Responsável – Limpo e Seguro”. Assim, poderão deixar os turistas informados sobre as medidas de higienização que estão sendo realizadas.

Sem contar que os viajantes terão acesso aos protocolos de segurança sanitária. Isso faz com que os turistas fiquem mais seguros nos destinos de viagem, bem como se sintam protegidos, sendo essas medidas essenciais para a retomada do turismo nacional.

Os serviços que mais solicitaram o selo foram os meios de hospedagem, agências de viagens, guias turísticos, restaurantes e similares e transportadoras turísticas. Os estados que coletam mais selos incluem: São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

O levantamento também indica os estados mais visitados do país durante a pandemia, com São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais ocupando as três primeiras posições. Dos entrevistados, mais da metade respondeu que o principal atrativo dos destinos brasileiros são as praias, seguido de serras ou montanhas.

Além disso, mais da metade dos entrevistados afirmou ter interesse em viajar, mediante as normas de segurança.

Adotando essas práticas, os viajantes podem desbravar os destinos nacionais, de forma segura.

Enfim, o que achou da matéria?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!