Robinho volta a ser condenado a 9 anos de prisão na Itália

O atacante brasileiro Robinho teve confirmada a sentença de nove anos de prisão pelo crime de violência sexual contra uma mulher albanesa.

O atacante brasileiro Robinho teve confirmada nesta terça-feira (9), a sentença de nove anos de prisão pelo crime de violência sexual contra uma mulher albanesa, em 2013, na Itália, época em que o jogador defendia o Milan.

Leia também
Justiça italiana confirma condenação de Robinho por crime sexual

A sentença já havia sido proferida em dezembro, mas o texto foi publicado nesta terça, um dia antes do vencimento do prazo legal, como uma formalização da condenação.

Nele, as juízas Francesca Vitale (que presidiu o julgamento), Paola Di Lorenzo e Chiara Nobili destacaram “particular desprezo (de Robinho) em relação à vítima, que foi brutalmente humilhada” e a tentativa de “enganar as investigações oferecendo aos investigadores uma versão dos fatos falsa e previamente combinada”.

A defesa do jogador, que na época atuava pelo Milan, afirmou que entrará com pedido de recurso na Corte de Cassação, a terceira instância italiana.

Enfim, o que achou da notícia?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!