Mulher de DJ Ivis diz que apanhava na frente de pessoas

Após tornar público vídeos em que DJ Ivis aparece lhe agredindo, Pamella Gomes de Holanda se pronunciou sobre o assunto.

DJ Ivis e Pamella Holanda. Foto: Reprodução
DJ Ivis e Pamella Holanda. Foto: Reprodução

Após tornar público vídeos em que DJ Ivis aparece lhe agredindo, Pamella Gomes de Holanda se pronunciou sobre o assunto nesta segunda-feira (11). Em postagem no Instagram  ela, que já está com quase 2 milhões de seguidores (1,7), agradeceu ao apoio que está recebendo e revelou que apanhava na frente de pessoas, mas que as mesmas não interferiam nas agressões. Pelo contrário, diziam que “ela precisava aguentar, pois este era o jeito de Ivis”.

“Quero e preciso agradecer todo o apoio que estou recebendo. Dizer que não estou bem, mas que estou segura. Eu e minha filha. Hoje o meu choro é de alívio por ter certeza que Deus está conosco, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir para ajudar ninguém”, iniciou ela, em texto compartilho nos stories do Instagram.

“Não existe fama, status, dinheiro, posição social, contato ou influência que permita ele de ficar impune. Eu me calei por muito tempo. Eu sofria sozinha com minha filha, sem apoio até dos que diziam estar ali para ajudar, que eram coniventes e presenciaram tudo calados, sem interferir, com a desculpa de que eu tinha que aguentar calada”, continuou ela, dando a entender que era agredida na frente de pessoas.

Pamella ainda relatou que muitas pessoas alegaram que este era o “temperamento” de DJ Ivis e que se ela quisesse conviver com ele, teria que se sujeitar e ser submissa. “Acabou a vida de comercial de margarina. Você nunca foi um cara família, até porque você não sabe o que é ser uma. Não se calem. Não se calem jamais. Eu não vou me calar”, encerrou.

Enfim, o que achou da notícia?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!