Mulher é presa e diz que matou caseiro por legítima defesa em Dourados

Elaine Benites, 38 anos, conhecida como "Buguinha" foi presa acusada pela morte do caseiro José Pereira da Sila, 64 anos.

Uma mulher identificada como Elaine Benites, 38 anos, conhecida como “Buguinha” foi presa por policiais civis do SIG (Setor de Investigações Gerais) no final da tarde desta segunda-feira (20) em Dourados, no Mato Grosso do Sul, acusada pela morte do caseiro José Pereira da Sila, 64 anos, conhecido como “Pernambuco”.

O crime aconteceu na Sitioca Campina Verde, no último domingo (19). Segundo a mulher, ela agiu em legítima defesa.

“Ele me agrediu, me deu uma facada no braço e eu revidei. Estava com ciúme de mim”, disse ela.

“Estávamos no bar e [José] me levou pra casa dele. Houve briga e ele me deu uma facada. Me defendi”, disse justificando o golpe que atingiu o idoso no pescoço.

De acordo com ela, ambos tinham relacionamento de aproximadamente três meses.

Enfim, o que achou da notícia?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!