“À Prioli” recebe Paola Carosella neste sábado

A chef argentina Paola Carosella revela que entrou para a cozinha fugindo de uma infância difícil, mas hoje se sente realizada.

“À Prioli” recebe Paola Carosella. Foto: Divulgação
“À Prioli” recebe Paola Carosella. Foto: Divulgação

O À Prioli deste sabado, 09 de abril, às 23h, vem com sabores e aromas na presença de Paola Carosella. No bate papo revelador com Gabriela Prioli, a chef argentina naturalizada brasileira afirma que define a casa onde vive a partir dos afetos. E que adotou o Brasil como seu lugar no mundo, terra da filha Francesca, da qual cuida com dedicação e profundidade.

Conhecida pelo talento na cozinha, Paola se sentiu bem à vontade entre talheres e panelas, durante o bate-papo temperado pela emoção com Gabriela. Ela revelou que entrou para o mundo da cozinha na esperança de escapar de uma infância difícil. Mas o tempo, que é o senhor da razão, passou, e hoje, ao olhar para o nhoque da receita de família sendo preparado, a sensação que tem é de uma pessoa realizada. “É uma receita da minha avó, eu amo fazer, eu amo o gesto, cozinhar, fico muito feliz”, afirma, explicando como o prato é feito.

Esta descendente de italianos que se confessa controladora, cresceu observando as mulheres da família trabalharem na plantação e na cozinha, e começou a carreira aos 18 anos de idade no seu país de origem. Depois, circulou pelos bastidores de cozinhas famosas da França, dos Estados Unidos, da Inglaterra e do Uruguai. Ela veio para o Brasil dirigir a cozinha do Figueira Rubaiyat junto com o famoso chef argentino Francis Mallmann, estrela de programa de televisão internacional da Netflix, com quem já tinha aprendido valiosas lições. Além de cozinheira e empresária, Paola também foi jurada de um dos mais famosos programas de culinária da televisão brasileira.

Paola confessa que teve dificuldade de desfrutar as conquistas quando a vida ficou boa. “Foi muito difícil chegar num lugar e falar, ‘eu vou desfrutar a vida’, quando a minha vida ficou boa, porque dá pra desfrutar a vida e olhar para o lado e ver o que temos?” reflete.

Mas de todas as coisas que teve, a chef não tem dúvidas de que a filha é a melhor delas: “É um trampo, é difícil pra caramba, mas é o melhor aprendizado, a melhor provocação, te leva aos melhores lugares”, declara. Outros segredos, histórias, opiniões e projetos desta chef incomum você vai ver no “ À Prioli” desta semana.

O programa “À Prioli” é exibido pela CNN Brasil aos sábados, às 23h.

Enfim, o que achou da notícia?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!