Número de mortos em Petrópolis chega a 165

As buscas por desaparecidos em Petrópolis chegaram a seu sexto dia, com mais chuva, o que atrapalha os trabalhos de resgate.

Enchentes em Petrópolis (RJ). Foto: Governo do Estado do RJ/Divulgação
Enchentes em Petrópolis (RJ). Foto: Governo do Estado do RJ/Divulgação

As buscas por desaparecidos em Petrópolis chegaram a seu sexto dia neste domingo (20), com mais chuva, o que atrapalha os trabalhos de resgate e aumenta o risco de novos deslizamentos.

Até o início da noite de domingo (20), os números da tragédia eram:

  • 165 mortos;
  • 126 desaparecidos;
  • 967 pessoas desabrigadas.

As equipes de busca se dividem em três áreas principais — os setores Alfa, Bravo e Charlie, que abrangem regiões como o Morro da Oficina, a Rua Teresa, o Alto da Serra, a Chácara Flora, a Vila Felipe, Caxambu e localidades vizinhas. O posto de Comando Central está localizado no 15º Grupamento de Petrópolis.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Nos últimos dias, as buscas foram interrompidas por diversas vezes devido à chuva. Uma forte neblina no sábado também atrapalhou os trabalhos, que agora contam com reforço de bombeiros de outros estados.

A previsão deste domingo é de sol com muitas nuvens e grande possibilidade de chuva, com volume um pouco maior que o deste sábado. Segundo o Climatempo, o dia terá períodos de nublado, com chuva a qualquer hora. A previsão indica 90% de chance de chover 30mm ao longo do dia no município.

Enfim, o que achou da notícia?

Então, nos siga no Facebook, Twitter e Google News. Assim você vai acompanhar as principais notícias do Brasil e do mundo no Gazeta do Dia!