Glória de Dourados: Agraer apoia projeto na escola Weimar Torres

A Agraer concluiu o projeto de irrigação da horta da Escola Estadual Weimar Torres, no distrito de Guaçulândia, em Glória de Dourados (MS).

Agraer apoia projeto na escola Weimar Torres, em Glória de Dourados (MS). Foto: Divulgação
Agraer apoia projeto na escola Weimar Torres, em Glória de Dourados (MS). Foto: Divulgação

A Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) concluiu, neste mês, o projeto de irrigação da horta da Escola Estadual Weimar Torres, escola de campo situada no distrito de Guaçulândia, em Glória de Dourados. O engenheiro agrônomo Cristian Felippi desenvolveu o trabalho com o apoio do estudante de agronomia Diego Sibin e de colaboradores da escola pública.

De acordo com a direção da escola, 110 estudantes do primeiro ano do ensino fundamental ao terceiro ano do ensino médio e uma sala do pré-escolar desenvolvem atividades na horta escolar. O espaço também é utilizado nas aulas de disciplina “Terra, Vida e Trabalho”, na qual se aborda a relação sustentável entre o homem e a terra, o respeito ao meio ambiente e a qualidade de vida no campo.

Em pouco mais de 250m2 são cultivados alface, couve, cebolinha, coentro, salsa e tomatinho, sem utilizar nenhum tipo de agroquímico, o que garante qualidade e segurança para quem consome.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

◊ Prosolo: obras de terraceamento têm início em Glória de Dourados

As hortaliças são destinadas ao consumo na merenda escolar. Já o excedente é comercializado para a comunidade escolar – familiares dos estudantes, colaboradores da escola e moradores do distrito.

De acordo com a diretora, Eliane Monteiro de Brito, o dinheiro arrecadado com a venda das hortaliças são investidos na própria escola.

Para aumentar a produção e a qualidade dos produtos, o agrônomo da Agraer coordenou a construção de um sistema de irrigação e de sombreamento para a horta. O projeto foi finalizado no início deste mês e a comunidade escolar foi contemplada com a doação das hortaliças produzidas.

“O investimento em sombreamento e irrigação da horta é um sonho antigo da escola e com o apoio da Agraer pudemos concretizá-lo. A expectativa é que tenhamos hortaliças fresquinhas o ano todo para enriquecer a merenda e que nossos estudantes tenham a horta como espaço didático de aprendizado”, destacou o coordenador de Práticas Inovadoras, professor João Ricardo Chiodi.

Além do apoio da Agraer, a escola conta também com a ajuda da comunidade que faz doações de adubo orgânico, madeira, arame liso e de mão-de-obra para os projetos desenvolvidos. Os alunos também auxiliam na horta de forma voluntária no contraturno das aulas.

“Acreditamos que os projetos desenvolvidos neste espaço despertam o interesse pela ciência e norteiam os rumos acadêmicos de nossos alunos, além de levarem para casa o conhecimento necessário para produzirem as próprias hortaliças”, complementou o professor.

“Parabenizo, a direção, toda a equipe da escola e o professor João Ricardo pelo trabalho, e agradeço a oportunidade de poder colaborar nessa atividade da escola no dimensionamento e auxílio da instalação da irrigação na horta da e também em outras iniciativas, pois os alunos em sua maioria são filhos dos agricultores familiares que atendemos pela agraer, e é mais uma fonte de conhecimento, incentivo e apoio a agricultura familiar e sentimos a responsabilidade de participar na formação de bons cidadãos e futuros profissionais, pois também sou filho de agricultores familiares e estudei em escola rural como eles”, concluí o engenheiro agrônomo da Agraer, Cristian Felippi.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no Brasil e no mundo?

Então nos siga em nossas redes sociais, como o Facebook, Instagram e Google News. Assim, você acompanhará tudo sobre economia, esporte, tecnologia, saúde e muitas outras matérias interessantes.